Sua empresa tem uma estratégia de e-mail marketing? Se não, você pode estar perdendo uma ferramenta poderosa de conseguir clientes e manter um canal aberto de comunicação com seu público.

E-mails surgiram há muitos anos e ainda relacionamos as práticas de e-mail marketing aos spams, tão odiados nos anos 1990 e início dos 2000. A verdade é que hoje essa é a ferramenta de comunicação mais direta com os consumidores. E, se eles permitem que você envie mensagens, não é spam – é útil.

Assim como qualquer estratégia de marketing digital (saiba o que é isso aqui), é preciso desenvolver itens básicos, como a persona, o tom de voz e os objetivos. Apesar do trabalho, os resultados podem ser satisfatórios.

Para ajudá-lo com a sua estratégia de e-mail marketing, separamos 16 boas práticas e dicas. Procure aplicá-las e avaliar a resposta, já que não existe uma receita certa para todos os públicos.

 

 

1 Faça ofertas especiais

Todo mundo gosta de se sentir especial. Por isso, procure mostrar às pessoas que assinam sua lista como elas são importantes. Envie ofertas especiais, enfatizando que elas fazem parte de “um clube selecionado”. A Apple, por exemplo, costuma enviar um link para a pré-venda de novos lançamentos para quem assina a newsletter.

 

2 Evite gritar

No dia a dia, recebemos muitos e-mails marketing desesperados por atenção. Evite empregar essa estratégia. Considere que as pessoas têm tempo curto e recebem dezenas, às vezes centenas, de e-mails. Tente chamar a atenção delas de outras formas.

 

3 Seja você mesmo

Sua estratégia de e-mail marketing precisa demonstrar como é a sua empresa de verdade. Por isso, se o produto ou o serviço é “descolado”, não tenha medo de utilizar um discurso mais informal.

 

4 Peça feedbacks

Algumas empresas adotam a estratégia de solicitar um feedback por e-mail. Isso pode ser feito quando alguém se descadastra da newsletter, quando cancela um plano, etc. Seja sincero e diga que quer melhorar cada vez mais a comunicação e a satisfação do cliente e que a opinião daquela pessoa importa para você.

 

5 Use prova social

As pessoas confiam no que os outros clientes têm a dizer sobre um produto, serviço ou empresa. Se você tiver depoimentos disponíveis, não tenha medo de incluí-los em seus e-mails.

 

6 Seja humano

Pessoas gostam de conversar com pessoas. Por isso, é uma boa ideia humanizar as suas campanhas de e-mail marketing. Você pode, por exemplo, colocar a assinatura de uma pessoa que represente a marca, como o CEO. O “tom de voz” do e-mail pode ter um estilo mais pessoal.

 

7 Ofereça oportunidades de conversão

Procure oferecer em todos os seus e-mails alguma oportunidade de conversão: e-books, conteúdos, ofertas de compra, links de redes sociais, compartilhamento. Assim, você acostuma os leitores a sempre ver novidades em seus e-mails, o que estimula a abertura dele. Utilizar botões para reforçar essas oportunidades de conversão também é uma boa ideia. Botões atraem o clique e devem ser de cores chamativas.

 

8 Realize Testes A/B

Vários fatores influenciam a performance de uma campanha de e-mail marketing: o assunto influencia a taxa de abertura, o layout pode influenciar a quantidade de cliques, etc. Para calcular qual é o melhor formato para seu público, não deixe de realizar testes A/B. Envie um formato para a metade da base e outro para a outra metade. Assim, você fica facilmente sabendo qual tem melhor performance e pode configurar sua estratégia de e-mail marketing após essa avaliação.

 

9 Faça parcerias

Muitas empresas lançam mão de parcerias a fim de garantir o sucesso das campanhas de e-mail marketing. Se você tem um produto que pode ser complementado com os produtos de outro negócio, realize e-mails e produza conteúdos em conjunto. Vocês podem usar as duas bases e ampliar a visibilidade das duas empresas.

 

10 Aborde os assuntos do momento

Visando a gerar mais valor para o seu público, procure relacionar eventos atuais ou tendências sazonais com seus e-mails. Isso certamente vai chamar a atenção da pessoa quando ela receber e mostra como sua empresa está ligada nos assuntos do momento.

 

11 Agradeça

Um e-mail que possa agradar as pessoas talvez seja o de agradecimento. Você pode mostrar gratidão por ter batido metas, por ter alcançado um número de curtidas ou seguidores, por ter “x” anos de empresa com crescimento, etc. Se vier acompanhado de alguma oferta ou desconto, melhor ainda.

 

12 Use a gamificação

Você pode fazer da sua estratégia de e-mail marketing também um elemento de gamificação. Que tal oferecer um prêmio para quem recomendar sua newsletter 10 vezes? Ou condições especiais para quem assina seu produto há seis meses?

 

13 Faça advertência sobre os três passos

Algumas campanhas de e-mail podem utilizar o que chamamos de “processo de três passos”. Esse se destina especialmente ao SaaS (software como serviço). Assim que a pessoa se cadastra, você pode enviar-lhe um e-mail dizendo o que fazer na sua plataforma ou quais itens ela ainda precisa preencher. Se for uma loja, os três passos podem ser: escolha o produto, coloque no carrinho, realize o pagamento.

 

14 Envie e-mails em bons horários

Isso vai depender da sua indústria e do seu produto, mas procure ter cuidado com o horário em que os e-mails são enviados. Se seu público é composto de profissionais que só vão se interessar pelo produto por causa do trabalho, envie em horários comerciais. Agora, se você oferece pacotes de viagem, a lógica deve ser outra. Aqui, você também pode empregar os testes A/B que mencionamos acima.

 

15 Dê dicas de recompra

A sua estratégia de e-mail marketing não precisa parar assim que a pessoa fizer a compra. Estabeleça um mínimo de tempo e volte à caixa de entrada dela oferecendo novos produtos relacionados ao que ela adquiriu.

 

16 Esteja à disposição

Ao final dos seus e-mails, é interessante incluir uma chamada para que as pessoas respondem à mensagem. Assim, você deixa o canal de comunicação aberto para tirar dúvidas ou realizar pedidos. Só garanta que haverá alguém do outro lado apta a responder.

 

Tenha uma boa estratégia de e-mail marketing

Como mencionamos no início deste texto, não leve essas dicas como receita. Elas podem ser muito efetivas para a sua estratégia, mas devem ser utilizadas sempre observando o estilo do seu negócio e o do público.

Confira outro conteúdo que pode impulsionar o seu negócio:

DICAS PARA AUMENTAR AS VENDAS DO SEU E-COMMERCE

Leia mais sobre Ambiente Digital Para seu negócio


Quer receber mais
conteúdos como esses?

cadastre-se para receber os nossos conteúdos por email:

Obrigado por cadastrar o seu e-mail. Seja bem-vindo à comunidade Inovação Sebrae Minas.