Poucos espaços são tão agradáveis quanto parques públicos. Ar fresco, flores, árvores, animais: tudo isso no meio da agitação das cidades.

Já falamos por aqui que os espaços não trazem apenas bem-estar, mas também contribuem para o desenvolvimento de cidades.

As pessoas sentem o desejo de ter um local que possibilite o contato com a natureza, a convivência com outros e um momento de relaxamento. Parques bem desenhados podem proporcionar tudo isso e muito mais.

Muitas cidades ao redor do mundo colocam esforços e recursos em favor da criação dos parques públicos. O resultado é o que você vê a seguir – uma seleção dos parques mais incríveis do mundo. Vamos lá?

 

Ibirapuera – São Paulo

O nosso querido parque não poderia ficar de fora da lista. A maior cidade brasileira foi presenteada com o Ibirapuera, em 1954. De lá para cá, ele se tornou um dos mais reconhecidos pelo mundo.

Com 221 hectares, o parque foi criado pelo paisagista Roberto Burle Marx e combina surrealismo e cubismo com itens variados da nossa flora e algumas inspirações do renomado arquiteto Oscar Niemeyer, de quem era parceiro.

A diversidade não para por aí. O Ibira (um apelido dado pelos paulistas) conta com lago, ciclovias, galerias de arte, biblioteca, auditório (este realmente criado por Niemeyer), pavilhões de convivência e muito verde.

Lá dentro, os visitantes podem participar de atividades, como ioga gratuita, e curtir  o Bosque da Leitura, onde as pessoas retiram livros e revistas da biblioteca para ler à beira do lago. Isso sem contar as bienais, tradição do local, os shows e o aluguel de bicicletas.

 

High Line – Nova Iorque

Este é um dos parques públicos mais novos desta lista. Criado em 2009, o High Line surgiu do reaproveitamento de uma ferrovia suspensa abandonada, que passava por três bairros da cidade e foi transformada em parque.

Com locais de convivência onde as pessoas se sentam, densa vegetação e partes incorporadas da velha ferrovia, o parque se tornou um dos locais mais visitados de Nova Iorque.

O modelo tem sido copiado pelo mundo, mas nenhum alcança o charme do High Line. Ele ainda conta com eventos, como shows de música e festivais gastronômicos no Mercado do Chelsea, que fica ali perto.

Existem ainda algumas atividades direcionadas, como visitas de escolas, com crianças e adolescentes.

 

Hyde Park – Londres

Este é um dos parques públicos mais tradicionais da capital da Inglaterra e do Reino Unido, conhecido por ter espaços de destaque. Trata-se de um dos Parques Reais, conjunto formado por mais sete unidades.

Todos os anos, mais de um milhão de pessoas visitam o Hyde Park para fazer piqueniques, tomar sol, correr, andar de bicicleta, nadar e assistir a shows de música. Seus 142 hectares ficam bem no centro de Londres e são o refúgio preferido de moradores – e o passeio mais realizado por turistas.

 

Parque Güell – Barcelona

Construído no início do século XX, o Parque Güell na capital espanhola hoje é um de seus principais cartões-postais. O que o torna mais encantador é a presença das obras do arquiteto catalão Antoni Gaudí, além da sua posição, bem no alto da cidade.

Seu formato com várias curvas convida cidadãos e turistas a caminhar e a descobrir outras áreas e paisagens e encontrar um tempo de calmaria em meio à cidade grande.

A decoração com cerâmicas partidas parece se integrar à cidade, sendo difícil compreender onde o parque começa e onde termina. O Parque Guell ainda conta com caminhos em meio das árvores e o Museu Casa Gaudí.

 

Namba Parks – Osaka

Criado em 2003, o Namba é uma das construções mais impressionantes. Feito em oito níveis ao lado de uma torre e um shopping, é um oásis urbano com jardins, quedas d’água e composições de rocha.

O espaço era previamente ocupado por um estádio de basquete que foi desativado. Em 2009, ganhou um prêmio de excelência do Instituto Terra Urbana (tradução de Urban Land Institute).

O térreo abriga o centro comercial e as partes superiores são dinâmicas e montadas com sacadas, a fim de criar um espaço aberto em meio aos prédios. Veja as fotos para compreender a sua impressionante estrutura:

 

Parques públicos são essenciais para as cidades

Viu só como é possível criar locais incríveis nas cidades? Os parques podem ter formatos variados e abrigar as mais diversas atividades. Entretanto, sempre têm um objetivo em comum: fazer bem às pessoas.

Não deixe de ler também:

MODELOS DE NEGÓCIO PARA CIDADES: 3 EXEMPLOS INSPIRADORES

Leia mais sobre Design Para sua região


Quer receber mais
conteúdos como esses?

cadastre-se para receber os nossos conteúdos por email:

Obrigado por cadastrar o seu e-mail. Seja bem-vindo à comunidade Inovação Sebrae Minas.