Uma estratégia efetiva de marca pode fazer a sua empresa ganhar muito em competitividade. Imagine seu negócio sendo referência principal do mercado e o primeiro que aparece na mente dos consumidores. Não seria ótimo? Isso é trabalho do branding.

Ainda existe muita confusão sobre o que é exatamente um branding, visto que há muitas definições. Já sabemos que não se trata apenas de uma identidade visual, conforme discutimos em um post anterior.

Na verdade, em décadas passadas, o branding era identificado como o nome, o slogan, o símbolo e o design de uma marca. Hoje, ele representa tudo o que é relacionado ao negócio, do ponto de venda à comunicação.

O branding é capaz de colocar uma empresa no mapa, diferenciá-la dos competidores, construir sua reputação e promover para o público certo. Quando a estratégia tem sucesso, consumidores são capazes de associar a sua marca aos valores nos quais acredita.

Para ter esse resultado, é importante não só definir bem quais são esses valores que devem ser repassados para as pessoas, como também conhecer a fundo o mercado. Com o intuito de ajudá-lo a dar mais mais significado a tudo isso, acompanhe, a seguir, uma explicação sobre o branding, sua importância e estratégia.

 

 

O que é branding

Primeiro, vamos esclarecer uma das confusões mais comuns com relação a esse assunto: campanhas e ações de branding não são o mesmo que marketing. Como o marketing é um conceito mais palpável, muitos pensam que o branding não é necessário.

Compreender o que o branding quer dizer é perfeitamente possível. Podemos assegurar que ele é a promessa que você faz ao seu público. Ele o ajuda a informar às pessoas o que elas podem esperar de você, dos seus produtos e serviços e diferencia as suas ofertas das dos concorrentes.

Como exemplo, considere a marca Mercedes. Você logo pensa no logotipo, mas também em carros luxuosos, confiáveis e bonitos. Mercedes é só um nome e um logotipo. A sua imagem, porém, representa como você se sente sobre a marca, do que ela  faz você se lembrar e que sensação ela provoca.

Você não precisa ter uma Mercedes para saber disso. Isso é o branding, facilmente percebido em outras marcas com as quais convivemos diariamente: Coca-Cola, Starbucks, Lojas Americanas, Supermercados Carrefour, etc.

 

Como traçar uma estratégia de branding

Para conseguir resultados significativos, uma boa estratégia de branding precisa de tempo e estrutura (ou valores). Você é a empresa inovadora do seu segmento? Ou a que tem mais experiência e transmite confiança? Seu produto custa caro com alta qualidade ou é a opção mais barata, mas ainda confiável?

Você não pode mirar em vários tipos de imagem – o ideal é ter um público-alvo e trabalhar para ser a principal escolha dele. Esses valores vão permear toda a identidade visual da empresa, bem como suas atitudes, comunicação, decisões, etc.

Sua estratégia de branding deve coordenar como, o que, onde, quando e para quem você vai comunicar e entregar suas mensagens de marca. Onde você veicula anúncios é parte disso, por exemplo.

Quando você é capaz de se reafirmar com os valores que pertencem ao seu negócio, o seu valor de marca cresce, assim como o de seus produtos e serviços. Também já falamos sobre cálculo de valor de marca por aqui.

Muito desse valor agregado vem da percepção emocional que as pessoas têm da marca. A Nike, por exemplo, associa seus produtos a atletas famosos com a intenção de  que os consumidores transfiram emoções sentidas por eles para os produtos. Não basta oferecer calçados de qualidade.

A fim de começar a traçar sua estratégia de branding, faça as seguintes perguntas:

  • Qual é a missão da empresa?
  • Quais são os benefícios e a funcionalidade dos produtos e/ou serviços?
  • O que seus consumidores e potenciais clientes pensam da sua empresa?
  • Quais são as qualidades que você deseja que eles associem ao seu negócio?

Além disso, faça pesquisas. Aprenda quais são as necessidades, os hábitos e os desejos de seus consumidores atuais e dos que pretende atingir. Não se apoie apenas no que acha que eles pensam, mas no que você sabe que pensam.

 

A importância do branding

Como você pode constatar, uma boa estratégia de branding pode aumentar o valor que seu negócio tem no mercado. A construção de uma marca forte muitas vezes leva tempo, mas os benefícios são muitos.

Por isso, não deixe de trabalhar bem na sua promessa de marca. Foque no público ideal e ofereça aquilo de que ele realmente precisa e da melhor forma. O branding define tudo o que a empresa faz interna e externamente e, por isso, é tão importante.

Se quiser saber mais sobre isso, não deixe de ler outro de nossos conteúdos:

http://inovacaosebraeminas.com.br/retencao-de-clientes-saiba-o-que-fazer-para-garantir-o-sucesso-seu-negocio/

Leia mais sobre Empreendedorismo Para seu negócio


Quer receber mais
conteúdos como esses?

cadastre-se para receber os nossos conteúdos por email:

Obrigado por cadastrar o seu e-mail. Seja bem-vindo à comunidade Inovação Sebrae Minas.