Não foi apenas a tecnologia que evoluiu drasticamente na última década. A forma como pensamos e fazemos negócio também passou por grandes avanços. Se as novas gerações começam a ocupar o mercado de trabalho e se as economias mundiais pedem por inovação e soluções criativas, não temos por que continuar com os modelos tradicionais de liderança.

INFOGRÁFICO: COMO ENCONTRAR E RETER TALENTOS

Clóvis Ferratoni é professor e CEO da Inteligência Informal, que oferece coaching, consultoria, cursos e workshops para desenvolvimento de pessoas e negócios. Ele acredita que a inovação deve vir dos grupos e ser construída em conjunto. Confira o seu vídeo sobre liderança criativa.

Como você pode ver, o líder criativo toma decisões com a ajuda do grupo ou, no caso de empresas, da equipe. Claro, alguém deve assumir a liderança, mas sua opinião não é necessariamente soberana.

Assim como empreender, liderar de forma criativa é olhar para onde ninguém olharia. É observar as possibilidades distantes, mas que têm tudo a ver com a sua solução.

Leia mais sobre lideranças criativas e saiba quais são as características de líderes que cumprem esse papel e inovam.

 

O que é liderança criativa

Os líderes que conseguem praticar a liderança criativa criam ambientes nos quais o pensamento inovador e empreendedor floresce. As ideias inovadoras são desenvolvidas com todo o time, envolvido em torno de um mesmo objetivo, e todas as opiniões são compartilhadas.

A filosofia da liderança criativa abraça a mudança como inevitável e procura oportunidades em todos os lugares e situações. Ao invés de impor caminhos, o líder criativo destrava a coragem, a colaboração e a criatividade dos colaboradores e os incentiva a inovar.

Em contraponto a estilos de liderança mais analíticos, em que os problemas têm apenas um caminho para ser resolvidos, a liderança criativa aposta nos resultados múltiplos formatados pelo líder. As respostas nem sempre estão completamente claras e são passíveis de mudança.

A prática desse método é baseada na generosidade e na empatia e alcança patamares mais altos do que apenas a gratificação individual permitiria. São características da liderança criativa: análise crítica, experimentação, visão, colaboração, ousadia, riscos calculados, agilidade e trabalho árduo.

Confira a seguir as características ideais daqueles que pretendem praticar a liderança criativa.

 

Características dos líderes criativos

Você não precisa ser fundador de uma startup para ser um líder criativo. É possível inovar e compartilhar decisões em qualquer setor – basta adaptar-se a cada tipo de situação. Líderes criativos têm características muito similares às de empreendedores, apesar de não atuarem exclusivamente nessa função. Entenda melhor a seguir.

Explorador, independente, dono de pensamento fora da caixa, abraça mudanças e antecipa o inesperado

Líderes criativos tiram insights de campos de conhecimentos variados e encontram soluções inovadoras quando fazem isso. Com diálogos que instigam, também conseguem respostas de seus colaboradores. Além disso, encaram ideias contrárias com naturalidade.

Os parâmetros convencionais não são satisfatórios para esses líderes. Eles estão sempre em busca de outros caminhos para conquistar resultados acima da média. Sua intuição é boa e eles antecipam situações inesperadas.

liderança criativa

Visionário, paixão pelas questões sociais e generoso

A liderança criativa é uma prática que leva em conta todo o contexto de uma organização – incluindo as pessoas e o ambiente em que se encontra. Por isso, líderes criativos devem pensar globalmente e de forma estratégica a fim de alcançar grande impacto.

Sua visão holística permite a compreensão do contexto social, a compaixão pelo próximo e uma atitude aberta às questões apresentadas. Os bons resultados de um negócio surgem com a atuação de líderes inovadores.

Conduz times criativos, cultiva a coragem e é otimista

O principal ativo do sucesso de uma liderança é o seu time. Os líderes são capazes de atrair pessoas com alta capacidade para inovar e colocá-las na direção correta. Os processos criativos conduzidos por eles incentivam o aprendizado e o desenvolvimento contínuo das pessoas.

Para ganhar a confiança, os líderes criativos são abertos e ouvem o que os outros têm a dizer. São transparentes e honestos e coerentes em falas, ações e intenções. Por meio de experiência e histórias, conseguem motivar a organização como um todo em direção ao objetivo comum.

 

Invista na liderança criativa

Com o surgimento de outros modelos de trabalho, é preciso investir na capacitação voltada para a inovação. Além de contratar os talentos certos, incentive a colaboração na sua empresa.

Quer mais conteúdos para ajudá-lo nessa empreitada? Confira outro de nossos artigos:

ONBOARDING: COMO RECEBER NOVOS TALENTOS NA SUA EMPRESA

Leia mais sobre Para seu negócio Pessoas


Quer receber mais
conteúdos como esses?

cadastre-se para receber os nossos conteúdos por email:

Obrigado por cadastrar o seu e-mail. Seja bem-vindo à comunidade Inovação Sebrae Minas.