Mais da metade da população hoje vive nas cidades – isso sem contar o número de pessoas residentes que se locomove diariamente, incluindo turistas. Quando falamos em mobilidade urbana, um dos protagonistas é o estacionamento. Motoristas passam, em média, 10 minutos procurando um bom local para deixar o carro. Isso representa, além de irritação, gasto de recursos e impacto ambiental.

Encontrar soluções de estacionamento inteligente se tornou, portanto, um dos maiores desafios dos governos de grandes cidades. Mas quais são as saídas que governos, instituições e empresas têm encontrado?

soluções de estacionamento inteligente

Neste artigo, vamos analisar algumas soluções de estacionamento inteligente que têm sido aplicadas pelo mundo.

 

Urbiotica – solução para cidades

Esta empresa oferece soluções para cidades inteligentes e já implementou programas de estacionamento em Barcelona (Espanha), Viena (Áustria), Nice (França), dentre outras. Além de auxiliar os moradores, as soluções são focadas em turistas, a fim de que esses se orientem melhor especialmente por estarem em cidades nunca antes visitadas.

Sistema de guia para estacionamento urbano

O objetivo dessa solução é reduzir o tempo gasto à procura de lugar para estacionar. A companhia explica que 30% do tráfego é causado pelo tempo empregado nessa tarefa, sem contar o estresse gerado e a despesa com combustível.

Ao reduzir o impacto desse problema, é possível melhorar o fluxo nas ruas e a qualidade do ar, bem como o bem-estar da população. Para isso, a solução é utilizar componentes tecnológicos para auxiliar motoristas a encontrar vagas.

  • Sensores instalados nas vagas que avisam quando essas estão disponíveis.
  • Integração com dados sobre onde há espaços disponíveis provenientes de empresas e instituições.
  • Aplicativos mobile e para web para guiar os motoristas a fim de auxiliá-los a fazer escolhas sobre o meio de transporte mais rápido e onde podem encontrar mais vagas.

Controle e regulação de estacionamento

Outra solução de estacionamento inteligente que pode permitir melhor fluxo de tráfego é conhecida de algumas cidades no Brasil. Trata-se do que chamamos de Faixa Azul, ou o controle de estacionamento por meio de taxas – só que aqui temos o toque da tecnologia.

Em formatos tradicionais, há exigência de investimento em recursos humanos e há pouco valor oferecido aos motoristas. Além disso, há a preferência por estacionamentos em grandes shoppings, mesmo sendo pagos. Isso é ruim para a economia da cidade, pois as pequenas lojas independentes dos centros de compras perdem clientes.

Isso pede a modernização do serviço oferecido pela cidade que, aqui, ocorre na forma de sensores que dizem exatamente quando um veículo estacionou em determinada vaga e quanto tempo ficou lá, com o propósito de garantir que as pessoas respeitem o tempo máximo determinado.

Tal solução pode estimular a maior rotatividade entre as vagas e melhorar a experiência dos motoristas nas ruas.

Ambas as soluções da Urbiotica também são viáveis de ser aplicadas em companhias, como shoppings e grandes corporações. O objetivo aqui seria guiar clientes até as vagas livres com o intuito de evitar congestionamento dentro dos espaços.

 

Parklets – fazendo cidades para pessoas

Até aqui, o objetivo das soluções de estacionamento inteligente procura acomodar os carros nas cidades e estimular a melhor distribuição do trânsito. Entretanto, há outras ideias que visam diminuir a opção por carros.

O sparklets se encaixam nesse modelo. Trata-se de pequenas construções que usam o espaço de uma vaga de automóvel buscando criar ambientes receptivos para pedestres, com bancos, plantas, etc. Isso ressignifica o espaço público e torna as cidades com nível de qualidade de vida mais alto.

A intenção é fazer das cidades lugares mais saudáveis para pedestres, além de tornar as ruas mais seguras e movimentadas. Já vimos em outro artigo como cidades construídas para as pessoas podem ganhar até mesmo economicamente. Se quiser saber como, não deixe de ler.

Para construí-los, as cidades devem criar uma regulamentação dentro da qual os parklets devem se encaixar. Depois disso, o investimento vem, normalmente, por parte da iniciativa privada. Empresas se beneficiam disso atraindo interesse de pedestres para o local e movimentando seu ponto de venda. Uma das iniciativas é a BH Parklets, conheça.

 

ParqEx – aluguel de vagas privadas

Nos últimos tempos, temos visto a tendência crescente da economia compartilhada. As pessoas alugam seus imóveis residenciais (como no AirBnb) e podem ter nova fonte de renda sem precisar investir muito dinheiro.

A empresa ParqEx tem esse modelo de negócio, só que baseado em vagas de estacionamento. As pessoas podem colocar espaços disponíveis em sua casa, e motoristas alugam essas vagas por meio de um aplicativo mobile.

Assim, é possível utilizar espaços que estariam inutilizáveis para desafogar o trânsito da cidade. No que diz respeito aos motoristas, também é ótimo, já que a opção pode ser mais barata do que estacionamentos comuns, especialmente em centros muito movimentados.

Para que o processo ocorra sem problemas, a ParqEx se encarrega de listar, reservar, oferecer e gerenciar pagamentos.

 

Soluções de estacionamento inteligente

Viu só como soluções para estacionamento podem melhorar a vida nas cidades? Com ideias inovadoras, podemos mudar o mundo. Se você se interessa por mobilidade, recomendamos que confira outro post:

COMO INCENTIVAR O CICLISMO URBANO NA SUA CIDADE

Boa leitura!

Leia mais sobre Para sua região Sustentabilidade


Quer receber mais
conteúdos como esses?

cadastre-se para receber os nossos conteúdos por email:

Obrigado por cadastrar o seu e-mail. Seja bem-vindo à comunidade Inovação Sebrae Minas.