Matriz SOAR: o que é e como utilizar essa ferramenta

Compartilhe este conteúdo:

Existem muitas ferramentas estratégicas diferentes, disponíveis para uma empresa que podem ajudar na tomada de decisões e estabelecer o caminho a seguir. Um deles é a análise SOAR ou matriz SOAR.

 

Originada no inglês, a análise SOAR significa Strengths, Opportunities, Aspirations and Results, que podem ser termos traduzidos, em português, como Forças, Oportunidades, Aspirações e Resultados.

 

O que é matriz SOAR?

Na prática, a matriz SOAR é uma ferramenta que ajuda a empresa a decidir vários fatores das organizações, possibilitando assim a formar uma estratégia completa e eficiente.

 

A análise SOAR não apenas auxilia a empresa a reconhecer seus principais pontos fortes e oportunidades, mas também a decidir suas aspirações e resultados. É por isso que a análise SOAR olha para o presente e o futuro e é útil para a empresa seguir em frente. Os pontos fortes e as oportunidades têm o foco e olham para o presente, ao passo que as aspirações e os resultados olham para o futuro e abrem o caminho para a organização.

 

Pensando no que é a matriz SOAR e como ela pode contribuir com a estratégia dos negócios, vamos agora à sua aplicação! Veja por que trabalhar com uma matriz SOAR e como fazer isso na prática.

 

Muitas pessoas podem ler o termo “matriz SOAR” e se confundir com outro conceito bastante conhecido: a “análise SWOT”.

 

A análise SWOT examina mais o ambiente geral de negócios e várias fraquezas, bem como ameaças à empresa. A análise SOAR, por outro lado, tem dois fatores comuns com a análise SWOT – Pontos Fortes e Oportunidades. No entanto, dois fatores diferentes dos da análise SWOT são: Aspirações e Resultados.

 

Por que fazer uma análise SOAR?

A análise SOAR é uma ferramenta poderosa para reunir as partes interessadas com o intuito de reconhecer o potencial da empresa e criar uma visão compartilhada do futuro.

 

Construir algo sobre os pontos fortes requer menos esforço e recursos do que tentar corrigir os pontos fracos, já que as pessoas acham mais envolvente e estimulante focar sua atenção nos pontos positivos do que nos negativos.

 

Assim, usar a matriz SOAR ajuda ainda os membros individuais da equipe a desenvolver os próprios planos de desenvolvimento e carreira.

 

A técnica é mais orientada para a ação do que uma análise SWOT e é focada nos resultados.

 

Quem pode usar uma matriz SOAR?

Uma análise SOAR é uma boa opção para empresas novas, de menor porte e ainda menos desenvolvidas. É importante ressaltar, porém, que a SOAR funciona para todos, independentemente da posição ou do nível que ocupam e pode incluir funcionários e partes interessadas externas no processo de criação.

 

Na prática, a matriz SOAR pode ser utilizada por:

  • Empresas de todos os segmentos.
  • Todos os níveis de uma organização.
  • Negócios existentes e novos.
  • Empresas que buscam avanços em vez de melhorias graduais.
  • Indivíduos como parte de seus planos de desenvolvimento pessoal.

    E todas as pessoas e as empresas podem adotar o método da matriz SOAR a fim de:

  • Explorar novas iniciativas.
  • Desenvolver um planejamento estratégico durante as revisões estratégicas anuais.
  • Para focar e redirecionar esforços e recursos.
  • Como parte de um programa de desenvolvimento de liderança.
  • Para planejar a carreira de um indivíduo ou desenvolver seu plano de desempenho.

 

 

 

Como usar SOAR – os 4 pontos da matriz

Um modelo de análise SOAR é estruturado como uma matriz 2 x 2 simples, resultando em quatro quadrantes, que destacam: Pontos Fortes, Oportunidades, Aspirações e Resultados.

 

Essa é uma ferramenta de planejamento estratégico simples, mas eficaz, que identifica os pontos fortes da sua organização e como eles podem ser aproveitados nas oportunidades existentes. Você pode definir as aspirações e o que deseja ver no futuro e os resultados que gostaria de medir.

 

Para fazer a sua matriz SOAR do jeito certo, veja como elaborar cada um de seus 4 pontos:

 

Pontos fortes na análise SOAR

Os pontos fortes analisam vários fatores na organização que estão funcionando bem para a organização e quais são os principais USPs da organização. Por exemplo – se analisarmos a Coca-Cola, o branding é um dos principais pontos fortes da marca. Da mesma forma, a distribuição, o bom número de funcionários e a boa vontade no mercado são alguns outros pontos fortes.

 

Algumas das perguntas que podem ser feitas são:

 

  • O que nos diferencia de nossa concorrência?
  • Onde a marca se destaca acima das concorrentes?
  • Quais seriam os aspectos positivos da organização?

Oportunidades na análise SOAR

 

A segunda etapa da análise SOAR é analisar as oportunidades da marca no mercado. Esse é o mesmo que a terceira etapa da análise SWOT. Ao analisar as oportunidades, a empresa reconhece que existem algumas oportunidades atuais que podem ser exploradas pela organização e é isso que a organização pode experimentar imediatamente.

 

Um exemplo de oportunidade para qualquer empresa é: expandir o mercado para novos locais ou públicos, assim como almejar um novo mercado com novos produtos. Da mesma forma, o lançamento de outras variações ou modelos de produtos, o aumento da marca e do marketing são exemplos de oportunidades disponíveis para a empresa.

 

Algumas das perguntas a ser feitas para decidir as oportunidades na análise SOAR podem ser:

 

  • De onde podemos aumentar nosso negócio?
  • Como nossos concorrentes estão gerando seus negócios em setores que ainda não abordamos?
  • O que mais nossos clientes desejam e o que podemos oferecer?
  • Que mercado ou produto podemos desenvolver mais?

Aspirações na matriz SOAR

 

Todos nós sabemos que, na estratégia, Missão e Visão desempenham papel importante. Isso ocorre porque elas ajudam uma organização a saber com antecedência o que deseja alcançar a muito longo prazo. Embora a Missão possa ser de curto prazo, isto é, de 4-5 anos, a Visão implica um prazo que se estende e raramente é alterado. Da mesma forma, existem aspirações para a empresa, que são como a declaração de Missão e podem ser modificadas de tempos em tempos, mas devem existir pelo menos por um curto período antes de serem alcançadas.

 

Algumas das perguntas para ajudar a decidir as aspirações para a empresa:

 

  • O que queremos alcançar para o nosso negócio e onde queremos vê-lo?
  • Que benefícios podemos trazer aos nossos clientes para que eles fiquem satisfeitos?
  • Pensando no cenário atual, como seria nosso futuro e como é possível mudar isso?

Resultados na análise SOAR

Antes de fazer constar os resultados na matriz SOAR, é preciso ressaltar que eles devem ser específicos, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e relacionados ao tempo. É necessário traçar os caminhos para chegar a um resultado e estabelecer quais serão os fatores típicos que mostrarão que o resultado foi alcançado.

 

Veja algumas perguntas que podem ser feitas para determinar os resultados na análise SOAR:

 

  • Quais são as métricas que precisamos rastrear para medir nosso progresso?
  • Qual é o resultado ideal em vários departamentos para saber que a meta está a caminho?
  • Que recursos serão necessários a fim de alcançar os resultados que buscamos?
  • Como mudamos nossas aspirações a resultados com o propósito de atingir nossos objetivos e definir nossa estratégia?

    Assim, as questões acima, quando respondidas, fornecem uma análise de resultados tangíveis para a empresa.

Depois de elaborar sua matriz SOAR, você pode seguir planejando um futuro melhor em relação ao seu negócio. Para isso, aprenda também a fazer uma análise de competitividade da sua empresa.