Tendências de Inovação tecnológica para 2022

Compartilhe este conteúdo:
Entra ano, sai ano, e as tecnologias seguem avançando. Por um lado, as novidades que surgem podem dar novo significado a diversas tarefas do cotidiano. Ainda assim, existe um desafio que é ficar por dentro do que muda na tecnologia e aplicá-la corretamente no dia a dia.
Pensando em 2022, então, o que podemos esperar, considerando o novo ano como um mundo pós-pandêmico?
Seguiremos cada vez mais conectados? E como isso afeta os negócios?
Para muitas pessoas e organizações, a lição mais importante dos últimos dois anos, ou mais, foi que a mudança verdadeiramente transformadora não é tão difícil de implementar como se poderia pensar, se a motivação estiver lá!

Tendências de inovação tecnológica para 2022

Na retomada pós-pandemia, sem dúvida continuaremos a aproveitar essa nova abertura para flexibilidade, agilidade e pensamento inovador, conforme o foco muda, no que diz respeito a apenas tentar sobreviver em um mundo em mudança, a fim de prosperar nele. Então, veja agora o que podemos esperar em termos de inovações tecnológicas para a sociedade e os negócios em 2022!

1. A transformação digital vai seguir crescendo!

O “novo normal” para a maioria das empresas é a adoção generalizada de tecnologia não tão onipresente para todos como antes de 2020. As pessoas – equipes na empresa, usuários ou clientes – estão vendo os benefícios, e os proprietários de negócios, percebendo os resultados.
Mas o digital é mais do que apenas uma empresa individual que está on-line/na nuvem. Trata-se de fazer parte de toda uma ecosfera digital holística, com parceiros, fornecedores, clientes, todos conectados e fazendo transações on-line. Cada parte da cadeia de suprimentos será conectada digitalmente, com as empresas adotando cada vez mais sistemas de gestão inteligentes aos quais todos os participantes podem se conectar.

2. 5G e conexões ainda mais rápidas

Claro, os objetos conectados não podem ser tão lentos como nos últimos anos, não é mesmo?
Aliás, no próximo ano, não queremos sequer conexões como as que mantemos hoje. Sempre há espaço para agilizar a internet. É aí que entra o 5G.
Tecnologia 5G é a sucessora lógica da 4G e atinge velocidades muito maiores graças às ondas de rádio de alta frequência. No Brasil, a nova forma de se conectar está batendo na porta e cabe a nós nos adaptarmos a essa realidade.
Conexões mais rápidas significam internautas com nível de exigência mais alta. Afinal, você precisa preparar o seu site a fim de responder a isso rapidamente, o seu aplicativo, para ser leve e carregar mais rápido, e tudo mais que uma internet rápida pede.

3. Casas conectadas e dispositivos inteligentes

A tendência da inteligência artificial em nossa casa está em andamento e só deverá se acelerar nos próximos anos. Na verdade, já nos acostumamos com a Siri, a assistente do Google, e a Alexa, da Amazon, sendo capazes de ajustar as configurações de objetos inteligentes dentro de casa para que possamos nos adequar aos parâmetros predefinidos.
Mas essas duas ofertas são apenas o começo: como a maioria das coisas relacionadas à internet, esses serviços se beneficiam dos efeitos de rede e vão ganhar valor para o cliente exponencialmente à medida que as funcionalidades são adicionadas.
Tais dispositivos mudam a casa e a vida das pessoas, como também chegam até os negócios. Dados da Juniper Research estimam, por exemplo, que as transações de e-commerce realizadas via assistentes de voz devem bater quase 20 bilhões de dólares até 2023!

4. Mais demanda para a realidade virtual e aumentada

Tecnologias de realidade virtual e aumentada já são uma realidade para muita gente, inclusive no Brasil.
Essas tecnologias se tornaram parte da vida cotidiana e de várias esferas da vida – do entretenimento aos negócios. Funcionários de muitas empresas mudaram para o teletrabalho, e AR e VR os ajudaram a se comunicar e a trabalhar juntos.
A tecnologia imersiva abre oportunidades incríveis de transformação em todas as áreas. Avatares digitais, navegação em sites e apps com realidade digital, assistentes remotos, integração de IA em realidade aumentada e virtual e tecnologia de reconhecimento de expressão facial serão mais comuns em 2022. Com a força do 5G e internet de banda larga com cada vez mais valor, a previsão é de que esses conceitos serão acelerados no futuro próximo.

5. Inteligência de decisão

O próximo passo da inteligência artificial é que ela tome decisões mais assertivas em nome das pessoas.
A competência de tomada de decisão de uma organização pode ser uma fonte significativa de vantagem competitiva, porém está se tornando mais exigente.
A inteligência de decisão é uma disciplina prática usada para melhorar a tomada de decisão ao compreender e projetar explicitamente como as resoluções são obtidas e os resultados, avaliados, gerenciados e aprimorados por feedback. O relatório de tendências de tecnologia da consultoria Gartner prevê que, nos próximos dois anos, um terço das grandes organizações usará inteligência de decisão para tomadas de decisão estruturadas, objetivando melhorar a vantagem competitiva.

6. Experiência Total (TX)

O tradicional relatório de tendências da Gartner também cita o conceito de Experiência Total como um novo grande passo em relação aos negócios.
Na era da transformação digital, o TX é uma estratégia de negócios que combina as disciplinas de experiência do cliente (CX), experiência do funcionário (EX), experiência do usuário (UX) e multiexperiência (MX). O objetivo do TX é aumentar a confiança, a satisfação, a lealdade e a defesa dos clientes e dos funcionários. As organizações deverão elevar a receita e o lucro, alcançando resultados de negócios TX adaptáveis e resilientes.
As principais tendências de tecnologia estratégica deste ano destacam as tendências que vão gerar oportunidades significativas nos próximos 5 a 10 anos.

7. Mais chatbots do que nunca

Os chatbots, assistentes virtuais que simulam conversas entre pessoas e máquinas, ajudarão as empresas a economizar mais de US$ 8 bilhões por ano, até 2022, de acordo com o relatório CNBC das estatísticas do chatbot.
Os chatbots não são novidades deste ano ou do próximo, mas sua capacidade está definitivamente se expandindo, e a automação e a inteligência cognitiva, tornando-os mais parecidos com os humanos a cada ano. Embora estejam facilitando a vida dos clientes, do ponto de vista dos negócios, esses bots estão ajudando-os a se expandir rapidamente sem ter de depender de um aumento correspondente na equipe de suporte ao cliente.