Qual é a cara da sua marca? O logotipo é o que fica na mente dos seus clientes e, em alguns casos, pode até ampliar a visibilidade dela.

Já vimos neste post que o logotipo é apenas uma parte da sua identidade visual, que, por sua vez, é uma parte do seu branding.

Mesmo assim, escolher um bom designer de logotipo é essencial, uma vez que ele deve saber traduzir a personalidade do seu negócio e reproduzi-la em todos os aspectos.

Entretanto, existem muitas opções no mercado. Você precisa achar o profissional ou a agência que favoreça melhor as suas necessidades específicas. No post de hoje, trouxemos algumas dicas para que você faça uma escolha mais assertiva.

 

designer-de-logotipo

 

O que é o logotipo

O logotipo é a representação gráfica da sua empresa. Ele é feito com um conjunto de habilidades de design, teoria criativa a aplicações inteligentes.

Não basta colocar o nome da companhia dentro de um quadrado e aplicar qualquer cor, por exemplo. Como o logotipo se desdobra em todos os outros itens gráficos e físicos, como a fachada, é preciso que seja muito bem pensado.

Algumas características exigidas para a logo:

➜ Boa estrutura

➜ Levar em conta o histórico da marca

➜ Tipografia certa

➜ Paleta de cores agradável

➜ Personalidade marcante

➜ Fácil de lembrar

➜ Mais de uma versão para aplicações diferentes

Também é interessante que seja entregue, junto do logotipo, um Manual de Aplicação. Ele vai dizer quais são as cores que podem ser utilizadas, os tamanhos em que o logo deve estar, dentre outras regras. Mas, nesse caso, depende do estilo de trabalho de cada um.

Seja uma agência ou um freelancer, o designer de logotipo precisa entregar um trabalho que cubra esses requisitos. O que considerar ao escolher um designer de logotipo:

 

1 Experiência

A primeira coisa que você precisa checar previamente é a experiência do designer de logotipo. Projetos anteriores oferecem uma ideia boa sobre o trabalho e qual é seu nível de habilidade.

O portfólio pode demonstrar isso, mas confira se o estilo dele combina com o que você está imaginando para a sua marca. Na verdade, bons designers podem convencê-lo que a sua ideia não é a mais adequada para representar o seu negócio.

Claro, um designer novo no mercado e ainda com pouca experiência pode executar um bom trabalho. Mas, para selecioná-lo, você pode lançar mão de outros recursos.

 

2 Depoimentos

Uma das melhores formas de saber se o trabalho de alguém é bom é ouvir a opinião de quem já trabalhou com aquele profissional; neste caso, o designer de logotipo.

Procure saber dos clientes anteriores e, se possível, dos colegas de trabalho, sobre a forma de atuar daquele designer.

Pergunte como foi a experiência de trabalho, se a demanda foi entregue no prazo, se a linha de pensamento foi ideal e se o resultado foi bom.

 

3 Processo de design completo

O design de um logotipo não pode ser igual à produção de um fast-food. Nenhum projeto com esse perfil, que seja produzido com grau de excelência, demora menos do que 48 horas. Por isso, se você quer algo que represente a qualidade do seu serviço, evite as “fábricas de logotipo”.

Não existe, porém, um tempo padrão para que o serviço se complete. Cada empresa tem necessidades diferentes, mas a média é de duas a seis semanas.

Isso acontece porque o bom designer de logotipo faz uma longa pesquisa antes de começar a desenhar de fato. Além das informações que você passou, ele utiliza outros meios para saber o máximo que puder sobre o seu público.

Os logotipos mais marcantes do mundo se destacam especificamente por causa do processo criativo completo.

 

4 Preço

O preço está longe de ser a única indicação de que o designer é o mais indicado para criar o seu logotipo, mas é normal que você queira encaixar o valor do serviço no seu orçamento.

E, realmente, não precisa gastar todo o seu dinheiro. Ao mesmo tempo, segurar demais o orçamento pode prejudicar a execução. Procure um equilíbrio com a intenção de que você seja capaz de pagar por um projeto de qualidade.

Além disso, não existe um preço predefinido. Um logo que custe R$ 100,00 certamente será bastante básico. O projeto completo pode custar entre R$ 2 mil e R$ 12 mil.

Claro, sempre é possível fazer uma permuta, dependendo do produto ou do serviço que você ofereça. Mas não leve isso como regra. Respeite sempre o valor cobrado pelo profissional.

Existem ainda outros meios para conseguir apoio a fim de renovar a sua identidade visual. Confira as regras do Sebraetec.

 

5 Portfólio

Ao contratar um trabalho criativo, olhar o portfólio do profissional é uma das primeiras coisas a fazer.

Observe se os trabalhos listados são de companhias reais, caso você queira um designer de logotipos mais experiente. É interessante que os projetos tenham sido feitos para empresas do mesmo setor, mas isso não é um ponto imprescindível.

Um designer talentoso pode executar qualquer projeto e adaptar seu estilo de trabalho para melhor atender suas necessidades.

 

6 Profissionalismo

Desde o primeiro contato que você fizer com o designer, observe como ele realiza o atendimento a clientes. Os e-mails são respondidos rapidamente? A apresentação e a forma de comunicar passam a mensagem correta?

Mesmo os freelancers precisam ter determinada estrutura para responder às suas dúvidas e ajudar quando for possível.

Além disso, é preciso que o designer de logotipo tenha boa organização e não se perca em meio ao processo. De preferência, é bom que ele deixe você informado sobre os passos do projeto.

 

7 Perguntas certas

Na primeira reunião para coletar informações com o propósito de iniciar a construção do conceito, o designer deve fazer as perguntas certas. São questões em torno do histórico da sua empresa, do público-alvo, de competidores, de objetivos, dentre outras.

Esses questionamentos são parte da estratégia de design. A quantidade de perguntas e o caminho que o profissional seguirá com elas dependem da escala do projeto. Na hora, você provavelmente saberá se ele conseguiu captar a essência da sua marca.

 

Confie no profissional

Em alguns momentos, você pode não ter clareza e certeza sobre qual tipo de conceito deseja para o seu logotipo. Caberá ao designer auxiliá-lo nesse processo, sugerindo opções.

Procure confiar no trabalho daquele que escolher. Pense que o resultado final não deva agradar apenas a você, mas também ao seu público-alvo. É preciso que a marca crie uma conexão entre as pessoas e a sua empresa.

Você já realizou uma mudança de logotipo? Conte para nós a sua experiência!

 

COMO MENSURAR VALOR DE MARCA

Leia mais sobre Design Destaque Para seu negócio Pessoas


Quer receber mais
conteúdos como esses?

cadastre-se para receber os nossos conteúdos por email:

Obrigado por cadastrar o seu e-mail. Seja bem-vindo à comunidade Inovação Sebrae Minas.