Como o marketing digital pode ajudar seu negócio em tempos de crise

Compartilhe este conteúdo:

O que é a inovação senão a capacidade de encontrar oportunidades em situações inusitadas e colocá-las em prática? No mundo interior, estamos vivendo tempos desafiadores, enquanto todos nós enfrentamos a pandemia do novo coronavírus, a COVID-19. Ainda é cedo para falar dos impactos da pandemia na economia, mas já se sabe que muitas empresas serão afetadas. Por isso, mais do que nunca, é necessário inovar. Reinventar-se. 

Nas últimas semanas, é possível observar negócios aderindo, às pressas, às plataformas on-line e pensando em novos produtos e serviços que possam ser oferecidos durante o período de distanciamento social. Mas como fazer isso de forma ainda mais estruturada e sustentável? A tecnologia está imbuída em uma das respostas. 

Pensando nisso, traremos uma série de conteúdos pensados especialmente para o momento atual. São posts como este, que trazem ideias e ferramentas para começar a inovar desde já. 

Esperamos que goste. Boa leitura!

Como o marketing digital pode ajudar seu negócio em tempos de crise

Com custo relativamente baixo, o marketing digital pode ser seu maior aliado em tempos de crise. Descubra de que maneira.

Empreender e gerir o negócio em tempos de crise exige cautela. Movidos, porém, pelo medo do cenário desconhecido e das incertezas econômicas, muitos gestores frequentemente cometem um erro: cortar gastos e reduzir o orçamento a qualquer custo, sem um pensamento estratégico. Quando uma empresa passa por dificuldades – sejam elas setoriais, sejam elas globais, como estamos vivendo agora com a pandemia da COVID-19 –, é preciso respirar fundo e agir de forma planejada, investir no momento certo e aproveitar as oportunidades, reestruturando sua estratégia de aquisição, atração e conversão de clientes em potencial.

O marketing digital tende a ser um bom investimento para a sua empresa, uma vez que esse conjunto de técnicas se mostra extremamente versátil, podendo ser utilizado em qualquer estágio do seu negócio. Em 2018, embora o desemprego tenha alcançado a marca de 13 milhões de pessoas, a indústria do marketing digital obteve 25% de crescimento, movimentando mais de 14,8 bilhões.

No artigo a seguir, vamos explicar por que é possível crescer em meio a adversidades e como a estratégia de marketing digital pode auxiliar no desenvolvimento da sua empresa, mesmo em tempos de crise. Continue a leitura!

Por que é possível crescer durante tempos de crise

Existem duas abordagens que um empreendedor pode assumir em tempos de turbulência: ele pode optar por um tom conservador, identificar onde reduzir custos, diminuir gastos e estruturar seu negócio para que a operação continue funcionando até que o mercado melhore. Em contrapartida, há a opção de refletir sobre o seu negócio e remodelá-lo para se adaptar ao mercado.

Toda crise gera oportunidade. Ao mudar o comportamento do consumidor, a crise aponta onde há falhas no seu negócio ou no dos seus concorrentes, além de evidenciar novas necessidades dos consumidores. É importante ter em mente que o mercado se transforma.  O setor de locação de filmes, por exemplo, não estagnou; ele se transformou com a tecnologia do streaming. E, enquanto diversas locadoras quebraram e fecharam as portas, a Netflix aproveitou a oportunidade e se reestruturou buscando acompanhar o mercado.

Aguardar a estabilização do mercado pode não ser uma boa opção porque há a possibilidade de que a situação demore a voltar à normalidade. Por isso, é importante pensar fora da caixa e encontrar oportunidades em meio à adversidade.

Por que investir em marketing digital em tempos de crise

O marketing digital é uma ferramenta extremamente valiosa para a geração de resultados, principalmente em tempos de crise. De modo geral, é possível enxugar seus gastos e aumentar sua audiência ao mesmo tempo. Basta dedicar tempo em análises e estruturar uma estratégia de qualidade.

Confira a seguir 3 motivos para investir em marketing digital.

1 Baixo custo inicial

Em primeiro lugar, o marketing digital apresenta baixo custo inicial. É viável iniciar uma estratégia de SEO, por exemplo, escrevendo textos que podem projetar, de forma gratuita, o seu negócio nos mecanismos de busca. E, com um orçamento razoavelmente baixo em relação a outros formatos de anúncios, você pode fazer testes em campanhas promocionais e otimizar a conversão até dar retorno, utilizando parte do lucro líquido para reinvestir e aumentando seus gastos apenas quando houver receita.

2 Dados mensuráveis

Outro ponto positivo é que grande parte das ações de marketing digital é mensurável. Ou seja, você consegue entender o que está dando retorno de investimento, assim como formular hipóteses e experimentos a fim de aumentar vendas otimizando o investimento.

3 Acessibilidade

Além disso, o marketing digital é extremamente democrático. É possível conversar com seu consumidor por meio do e-mail ou das redes sociais e atrair novos leads de forma menos invasiva, produzindo conteúdo de qualidade e optando por canais mais acessíveis do que os meios tradicionais de aquisição. Com uma linguagem adequada, você ainda tem diversos ganhos de imagem e reputação, aproximando a empresa do público de forma leve e simpática.

Como colocar o marketing digital em prática em tempos de crise

Como vimos, o marketing digital traz grandes vantagens para o seu negócio. Investir em uma estratégia de SEO, por exemplo, pode auxiliar  você a conversar com uma nova audiência e atrair leads qualificados.

Em 2015, a empresa de empoderamento financeiro Par Mais estagnou suas vendas. Reavaliando sua estratégia de marketing, percebeu que 100% dos clientes chegavam à empresa via indicação. A fim de modificar esse cenário, investiu em uma estratégia de SEO mais robusta, com conteúdos direcionados e com alta qualidade. Em menos de um ano, a empresa conseguiu aumentar seis vezes o número de leads, 70% deles vindos da estratégia de inbound marketing.

Redes sociais como ferramentas de aquisição

As redes sociais também são ferramentas muito importantes com o intuito de otimizar a comunicação com seus consumidores, atrair novos leads, ampliar o processo de fidelização e receber feedbacks construtivos sobre como a sua marca pode entregar mais valor  ao cliente.

A empresária mineira Daniela Leonel, por exemplo, gestora da Emporium da Roça, lançava mão de feiras presenciais como principal meio de aquisição de clientes para vender as hortaliças e os produtos orgânicos de sua empresa. Após a crise do novo coronavírus, situação que ora estamos vivendo, a operação em seus pontos de vendas foi totalmente paralisada.

Para não fechar as portas em tempos de crise, a produtora utilizou as redes sociais como ferramenta e divulgou no Instagram e no Facebook que a empresa ia iniciar um programa de delivery. Em seguida, reuniu os clientes interessados em uma lista de transmissão no WhatsApp, enviando semanalmente uma mensagem com os produtos disponíveis. Assim, os clientes listam os produtos que desejam e recebem seus pedidos em casa. A ação não só aumentou as vendas, como também fidelizou clientes que passaram a comprar semanalmente.

Além dos exemplos citados, é possível aumentar vendas por meio do e-mail marketing, de campanhas de ads, comércio eletrônico e de muitas outras estratégias que envolvam o marketing digital como forma de superar situações atípicas.

E, então, gostou do artigo? Entenda o que o marketing digital pode oferecer para a sua empresa e saiba mais por que é tão importante investir nessa estratégia. Aproveite para ler também a entrevista em que Lina Volpini, gerente de Inovação do Sebrae, fala aos empreendedores sobre como obter resultados e inovar em tempos de crise.