LinkedIn para empresas: 6 dicas para impulsionar seu negócio na plataforma

Compartilhe este conteúdo:

Em 2021, o LinkedIn atingiu a marca de mais de 774 milhões de usuários no mundo. Dessas pessoas, 51 milhões estão no Brasil. A rede social também traz um recorde. 

Em um dia, mais de 2 milhões de artigos, imagens e vídeos foram publicados no feed. Os números são expressivos, mas não é só deles que vem a importância do LinkedIn para Empresas.

 

A plataforma, que nasceu como uma rede exclusiva para relações profissionais, hoje é mais do que isso. Por lá, você pode fortalecer sua marca, investir em ações de Marketing e Vendas. E o mais efetivo: realizar recrutamento e seleção de talentos para seu negócio.

Entretanto,  antes de criar uma página e começar a postar, acompanhe nossas dicas e compreenda quais tipos de conteúdo são ideais no LinkedIn para Empresas. Assim, você pode utilizar a plataforma de forma eficiente. Vamos conhecer?

1 – CRIE CONTEÚDO ESPECÍFICO PARA O LINKEDIN

O LinkedIn é essencialmente uma rede social voltada ao trabalho, com foco principal em recrutamento e desenvolvimento profissional. Criar uma company page (página de empresa) vai ajudá-lo com essas duas coisas.

Mesmo que se trate de uma rede social de nicho, ela ainda pode fazer parte do seu Planejamento de Marketing. É bom lembrar que o tipo de conteúdo e, provavelmente, o tom de voz serão diferentes do que aqueles praticados em outras redes, como no Facebook e no Instagram.

Além das company pages, você pode utilizar os grupos do LinkedIn e interagir com outras pessoas do mesmo setor. Sua estratégia, de forma geral, deve se concentrar em torno da sua indústria e em como seu negócio pode contribuir com a comunidade.

A seguir, vamos oferecer algumas dicas práticas para criar o seu perfil e a company page, além de informações sobre as outras funcionalidades do LinkedIn para Empresas.

 

2 – CRIE UMA COMPANY PAGE

Visando ter uma presença forte no LinkedIn para Empresas, o primeiro passo é criar uma página. Assim, você vai poder postar conteúdos, e os colaboradores podem linkar em seus perfis, na informação “cargo atual”.

Vamos aos passos:

Conheça sua audiência

Antes de criar, procure compreender quem são os clientes e os parceiros os quais você procura impactar.

 

Crie a company page

Para começar a criar uma página, vá até o menu “Soluções” na barra superior direita e clique em “Criar uma LinkedIn Page”. Depois, basta escolher o tamanho, inserir suas informações, como logotipo, banner e descrição.

 

Seja encontrado

Para que as pessoas encontrem sua empresa no LinkedIn, adicione especialidades, links e descrições do seu propósito. Não deixe também de conectar a página ao seu site, ao blog e a outras redes sociais.

 

3 – IMPULSIONE A COMPANY PAGE

Existem algumas formas de fazer sua empresa ser mais vista no LinkedIn. Confira:

Engaje os colaboradores

Seus talentos são os melhores evangelizadores da marca. Encoraje-os a colocar a companhia como trabalho atual, tornando-os seguidores automaticamente. Assim, clientes, parceiros e fornecedores podem ter acesso ao “rosto” da companhia, bem como às credenciais de cada um.

 

Traga seus clientes

Seus consumidores atuais sabem o valor que você oferece. Crie fóruns para que eles compartilhem suas experiências e sugira que eles sigam a sua company page.

 

Demonstre valor

Para cultivar uma audiência de valor, crie conteúdo relevante. Cada post deve refletir as ideias da companhia e focar em informações atuais sobre a indústria.

 

Poste com frequência

Assim como nas outras redes sociais, o seu LinkedIn precisa de consistência e frequência. Segundo o próprio site, companhias postam cerca de 20 vezes ao mês para atingir 60% da audiência.

 

Varie os formatos

Variar os tipos de conteúdo da página pode aumentar o engajamento. Por isso, trabalhe com fotos, vídeos, links e apresentações do SlideShare.

 

Invista em conteúdo patrocinado

De acordo com estudo feito pela Hubspot, o LinkedIn é 277% mais eficaz em gerar leads do que o Facebook e o Instagram.

 

O perfil de usuários da rede social também é poderoso quando o assunto diz respeito a vendas. Os membros do LinkedIn têm 2x mais poder de compra que a média dos internautas. Entre as contas, 4 a cada 5 usuários  tomam decisão dentro de uma empresa.

 

E isso significa o que para o seu negócio? Que se trata de uma audiência extremamente qualificada com o propósito de impulsionar as possibilidades de conversão e faturamento.

4 – TRABALHE BEM O SEU PERFIL

Como o LinkedIn é uma rede social para profissionais, o seu perfil pode ser parte do branding da empresa. Por isso, confira algumas dicas:

Tenha uma boa foto de perfil

A fim de se mostrar amigável às outras pessoas, coloque um rosto junto ao seu nome. Segundo o próprio LinkedIn, membros com fotos de perfil recebem 14 vezes mais visualização do que aqueles que não as têm.

 

Utilize bem a descrição

Logo após a foto de perfil, a descrição é a primeira coisa que as pessoas veem quando entram no seu perfil. Utilize a área para falar direto com a sua audiência, incluindo frases e palavras-chave.

 

Conte sua história profissional

No restante do perfil, procure contar o máximo que puder sobre sua experiência profissional. Quanto mais o perfil estiver completo, mais será encontrado.

 

Ofereça exemplos

Nada melhor do que colocar amostras do seu trabalho para que as pessoas entendam o que sua companhia faz. Por isso, preencha o perfil com links, imagens, vídeos, etc.

 

Crie uma rede de recomendações

Procure trocar recomendações com os colaboradores da sua empresa, demonstrando como vocês acreditam no trabalho um do outro.

5 – ATRAIA OS CANDIDATOS CERTOS

O LinkedIn para Empresas tem outra funcionalidade que só ganhou força nos últimos anos: o recrutamento. Por lá, você pode postar as vagas abertas (confira os preços), e a própria rede social vai impulsionar isso para quem atende aos requisitos.

 

Mais algumas dicas:

Pesquise antes de recrutar

Caso deseje recrutar talentos para um papel novo na empresa, você pode pesquisar dentro da própria plataforma. Procure observar pessoas que tenham um cargo parecido e ajuste isso às suas necessidades.

 

Depois de definir, ainda é possível filtrar e observar quantos candidatos são elegíveis para a posição. Se o número for muito pequeno, talvez não valha a pena postar por lá, mas encontrar outras formas de recrutar.

 

Escreva uma boa descrição de vaga

Procure definir bem o tipo de candidato que você procura. Quanto mais informações, melhor. O LinkedIn para Empresas vai mostrar a vaga para candidatos na sessão “Vagas que podem interessar”, além de e-mail e feed de atividades.

 

Entre em contato com candidatos

Mesmo que as pessoas ainda não tenham se candidatado, o LinkedIn dá a opção de listar candidatos possíveis para que você possa entrar em contato com eles.

 

Utilize os grupos

Novamente, os grupos ganham destaque. Recrutadores podem observar os membros mais ativos e identificar pessoas que atendam aos critérios e são experts em sua área.

#6 LINKEDIN PARA EMPRESAS: FORTALEÇA SUA MARCA

Existem muitas opções dentro do LinkedIn voltadas para empresa e para quem deseja impulsionar um negócio. Basta encontrar o tom de voz e a frequência de produção de conteúdo certos para que toda a operação tenha muito a ganhar com a rede social.

Se você deseja fortalecer sua marca entre profissionais-chave e stakeholders da área, não deixe de participar do LinkedIn para Empresas!

Para seguir o aprendizado de como cuidar da presença digital do seu negócio, confira também nosso post com as principais tendências de Marketing Digital para as redes sociais em 2021.

 

6 ESTRATÉGIAS DE MARKETING QUE TODO EMPREENDEDOR INICIANTE DEVE CONHECER