Logística

SKU: o que é e principais dúvidas respondidas para aplicação no seu e-commerce

SKU: o que é e principais dúvidas respondidas para aplicação no seu e-commerce

No universo do comércio eletrônico, o sucesso de um negócio está diretamente relacionado à eficiência de suas operações. Uma das ferramentas fundamentais para alcançar essa eficiência é o sistema de identificação de estoque, mais conhecido como SKU (Stock Keeping Unit, ou Unidade de Manutenção de Estoque, em português). Em um cenário em que a competição é intensa e a exigência dos consumidores cresce a cada dia, a adoção inteligente do SKU pode ser a chave para impulsionar o desempenho e a lucratividade do seu e-commerce. Neste guia, exploraremos o que é exatamente um SKU e como ele pode ser aplicado ao seu negócio on-line, e vamos tirar as principais dúvidas que você pode ter sobre ele. Continue lendo e confira!

O que é SKU

Um SKU é um código alfanumérico exclusivo atribuído a cada produto em seu inventário. Ele funciona como um identificador único que contém informações valiosas sobre o produto, permitindo uma gestão de estoque mais eficiente e precisa. Cada combinação de características de um item — como cor, tamanho, modelo e marca — recebe um SKU único. Isso facilita a identificação rápida e precisa dos produtos em qualquer etapa do ciclo de vida do estoque, desde o recebimento até a venda.Saiba mais: Dicas para aumentar as vendas do seu e-commerce

Como utilizar o SKU no seu e-commerce: passo a passo

A implementação bem-sucedida do SKU no seu e-commerce envolve uma abordagem estruturada e organizada. Aqui estão alguns passos práticos para começar:

  1. Criação de códigos únicos: a primeira etapa é criar códigos SKU exclusivos para cada variação de produto em seu inventário. Certifique-se de que os códigos sejam claros e significativos, incluindo informações relevantes, como tipo de produto, cor, tamanho e outras características relevantes.
  2. Integração com seu sistema: o próximo passo é integrar os códigos SKU ao seu sistema de gerenciamento de estoque e plataforma de e-commerce. Isso permitirá que você rastreie, atualize e gerencie eficientemente seu estoque on-line.
  3. Monitoramento regular: mantenha um processo de monitoramento contínuo para garantir que os códigos SKU sejam atribuídos corretamente e que as informações do produto estejam atualizadas. Isso evitará erros e confusões que podem prejudicar a experiência do cliente.
  4. Relatórios e análises: aproveite os dados gerados pelos códigos SKU para obter insights valiosos sobre o desempenho do seu estoque. Analise quais produtos têm maior rotatividade, quais variações são mais populares e quais podem precisar de ajustes.

Mais dicas: Como administrar a troca de produtos no e-commerce

A importância do SKU no seu e-commerce

Parece muito difícil implementar o SKU no seu e-commerce? Veja por que é melhor organizar os processos para evitar trabalho mais tarde:

  • Precisão no gerenciamento de estoque: a atribuição de códigos SKU a cada variação de produto facilita o rastreamento e gerenciamento preciso do estoque. Isso ajuda a evitar problemas como estoque esgotado, excesso de estoque e erros de envio.
  • Eficiência operacional: com um sistema SKU eficiente, você pode acelerar processos como reabastecimento de estoque, embalagem e envio. Isso economiza tempo e recursos, permitindo que você atenda a mais pedidos com rapidez e eficiência.
  • Tomada de decisão informada: os dados gerados pelos códigos SKU fornecem insights valiosos sobre o desempenho do produto e as preferências do cliente. Isso auxilia na tomada de decisões informadas sobre quais produtos promover, quais ajustar e quais descontinuar.
  • Experiência do cliente aprimorada: a gestão eficaz do estoque leva a uma experiência de compra mais positiva. Os clientes podem confiar na disponibilidade dos produtos desejados e receber os itens corretos e conforme descrito, aumentando a satisfação do cliente.
  • Integração com canais de venda: se você vende em múltiplos canais, como seu próprio site, marketplaces e redes sociais, a utilização de SKU facilita a sincronização e o controle do estoque em todos esses canais.

Leia mais: 3 Ferramentas de gestão de estoque do seu negócioAinda tem dúvidas? Confira nosso FAQ:

Principais dúvidas sobre SKU

Como é o SKU de um produto?

O SKU de um produto é um código alfanumérico único que identifica aquela variação específica do item em seu estoque. Ele geralmente é composto por uma combinação de letras e números que refletem características do produto, como tipo, cor, tamanho, modelo, entre outros atributos relevantes. Por exemplo, se você estiver vendendo camisetas em diferentes tamanhos (P, M, G) e cores (preta, branca, azul), um SKU para uma camiseta preta tamanho M pode ser algo como "CM-PRETA-M".

O que é SKU de uma empresa?

O SKU de uma empresa é um conjunto de códigos exclusivos atribuídos aos produtos em seu inventário. Esse sistema de identificação ajuda a empresa a gerenciar e rastrear seus produtos de maneira eficiente, garantindo que cada variação de um item seja reconhecida de forma única.

Como descobrir o código SKU de um produto?

Para descobrir o código SKU de um produto, você normalmente pode verificar a etiqueta ou a embalagem do produto. O SKU é frequentemente impresso nessas áreas, como parte do código de barras ou como um código alfanumérico separado. Se você estiver lidando com produtos em um sistema de gestão de estoque, o código SKU também estará registrado nesse sistema.

Quem cria o SKU?

O SKU é geralmente criado pela própria empresa ou vendedor, como parte do processo de gerenciamento de estoque e catalogação de produtos. A empresa decide como deseja estruturar os códigos SKU com base nas características e atributos dos produtos.

Como gerar SKU gratuito?

A geração de SKUs gratuitos envolve criar códigos exclusivos para seus produtos sem custos financeiros. Você pode utilizar combinações de letras e números que se alinhem com suas necessidades de identificação, como atributos de produto e variações. Ferramentas de planilhas ou software de gerenciamento de estoque podem ajudar na criação de SKUs gratuitos.

Como fazer um bom SKU?

Para criar um bom SKU, siga estas diretrizes:

  1. Clareza: o SKU deve ser claro e informativo, refletindo atributos importantes do produto, como cor, tamanho e modelo.
  2. Unicidade: cada SKU deve ser único, evitando duplicação e confusão.
  3. Estrutura consistente: mantenha uma estrutura padrão para seus SKUs, o que facilitará a identificação.
  4. Simplicidade: evite códigos complexos que possam ser difíceis de entender ou gerenciar.
  5. Escalabilidade: crie um sistema de SKU que possa acomodar o crescimento futuro do seu inventário.

Qual a diferença entre produto e SKU?

Um produto é um item em si, enquanto o SKU é um código exclusivo que identifica uma variação específica desse produto. Um produto pode ter várias variações (cores, tamanhos, modelos), e cada uma delas terá um SKU único.

O que é SKU pai?

O SKU pai é um código que representa um conjunto de produtos relacionados. É comumente usado quando um produto é vendido como parte de um conjunto ou kit. O SKU pai agrupa os produtos individuais que compõem o conjunto, permitindo um gerenciamento mais eficiente do estoque.

Qual a diferença entre SKU e EAN?

O SKU é um código alfanumérico exclusivo usado internamente para gerenciamento de estoque, enquanto o EAN (European Article Number) é um código de barras global usado para identificar produtos em um nível mais amplo, geralmente na fase de varejo.

O que é SKU na moda?

Na indústria da moda, o SKU é usado da mesma forma que em outros setores. Ele identifica variações de produtos, como roupas em diferentes tamanhos, cores e modelos, permitindo que as empresas gerenciem seu estoque e atendam às demandas dos clientes com precisão.

Como integrar o SKU em várias plataformas?

Integrar o SKU em várias plataformas é essencial para garantir a consistência e o gerenciamento eficiente do estoque em todos os canais de vendas. Aqui estão os passos gerais para realizar essa integração:

  1. Utilize um sistema de gestão de estoque (ERP): um sistema de gestão de estoque, como um ERP (Enterprise Resource Planning), é fundamental para integrar o SKU de maneira eficaz. Escolha um ERP que ofereça recursos de gerenciamento de SKU e seja capaz de sincronizar informações entre suas diferentes plataformas de vendas.
  2. Escolha plataformas compatíveis: certifique-se de que as plataformas de vendas nas quais você opera são compatíveis com a integração de SKU. Isso pode incluir seu site de e-commerce, marketplaces (como Amazon, eBay, Mercado Livre) e outros canais de vendas.
  3. APIs e integrações: muitas plataformas e ERPs oferecem APIs (Interfaces de Programação de Aplicativos) que permitem a troca de dados entre sistemas. Utilize essas APIs para conectar suas diferentes plataformas e permitir a sincronização automática das informações do SKU. Conheça aqui plataformas de e-commerce e saiba como escolher.
  4. Centralize dados: centralize as informações do SKU em seu sistema de gestão de estoque. Isso servirá como a fonte principal de informações e garantirá que todas as plataformas acessem os mesmos dados.
  5. Mapeie SKUs: ao integrar em várias plataformas, é possível que as nomenclaturas e as estruturas de SKU difiram um pouco. Certifique-se de mapear os SKUs de forma adequada para que correspondam entre as diferentes plataformas.
  6. Atualizações automáticas: configure suas integrações para atualizar automaticamente as informações do SKU sempre que houver mudanças no estoque, como vendas, reabastecimento ou atualização de informações do produto.

Você também pode se interessar: Principais indicadores de vendas para varejo

O SKU nos resultados do seu e-commerce

Em resumo, o SKU desempenha um papel vital na gestão de estoque e no sucesso geral de um e-commerce. Ele fornece uma maneira eficiente de identificar e rastrear produtos, melhorando a eficiência operacional e proporcionando uma experiência positiva ao cliente.Em um cenário altamente competitivo de comércio eletrônico, a gestão eficiente do estoque é um fator determinante para o sucesso. O uso estratégico de códigos SKU oferece uma abordagem organizada e inteligente para gerenciar suas operações de estoque. Ao atribuir códigos SKU exclusivos a cada variação de produto e integrá-los ao seu sistema, você ganha a capacidade de rastrear, gerenciar e analisar seu estoque de maneira mais precisa e eficiente.Quer se atualizar ainda mais sobre as melhores práticas para e-commerces? Confira a nossa Cartilha de Tendências do E-commerce e fique por dentro de tudo que pode fazer seu negócio crescer mais.