Negócios

Está fazendo um bom negócio? Como descobrir se sua empresa está indo na direção certa

negócio na direção certa

Se você está à frente de uma empresa, às vezes parece que seu negócio está funcionando bem, mas as incertezas do mercado podem pôr tudo a perder, não é mesmo?É por isso que, diante de qualquer insegurança, é preciso dar um passo para trás e olhar em direção a alguns pontos importantes da gestão do negócio.Cabe ressaltar que não é apenas a margem de lucro que dita o sucesso de um negócio. Você pode avaliar que está cuidando de um bom negócio hoje, com base nos resultados financeiros de um mês, mas será que isso garante o seu futuro?Para saber de verdade se você está ou não levando seu negócio na direção certa, existem alguns caminhos a ser explorados. Vamos especificá-los a seguir!

Como saber se você está fazendo um bom negócio?

Tendo ciência de todas as dificuldades que podem surgir pelo caminho, resta a pergunta definitiva: afinal, como perceber se você está cuidando de um bom negócio? O que é possível fazer para ter certeza que seu empreendimento está indo para o rumo certo?A seguir, você encontra as principais dicas para avaliar o sucesso da sua empresa. Siga atentamente cada uma delas e veja se o esforço está sendo recompensado ou se você precisa ajustar alguma estratégia pelo caminho

Dica 1: comece com um bom planejamento

Antes mesmo de avaliar qualquer resultado, é essencial saber de onde a sua análise deve partir.O planejamento de uma empresa serve como um guia para saber se, de fato, você está gerenciando um bom negócio. Desde que uma empresa começa a sair do papel, é importante que você tenha um planejamento estratégico.Esse documento, muito conhecido dos empreendedores, é uma ferramenta valiosíssima para nortear todo o trabalho que você e sua equipe fazem para tocar um empreendimento no dia a dia.Todo bom negócio, então, parte de um planejamento estratégico bem estruturado. Com base nele, você saberá para quais indicadores olhar, conseguirá ver o que deu certo e o que não foi cumprido do plano e, claro, poderá ter uma visão completa sobre os objetivos do seu negócio.Se você ainda não sabe por onde começar a planejar seu próximo ano, confira algumas dicas para fazer um bom planejamento estratégico e se organizar e se preparar para impulsionar o negócio.

Dica 2: meça o desempenho financeiro

Quando você pensa em medir o sucesso de sua empresa, seja ela grande, seja ela pequena, você precisa ver quanto dinheiro ela está gerando.Obviamente, o dinheiro é importante quando você administra um negócio. Sem ele, seu negócio está perdido. Com ele, você pode expandir seus negócios e continuar perseguindo seu sonho empreendedor. Quanto dinheiro está entrando e saindo do seu negócio?As três principais métricas financeiras que você pode usar em sua pequena empresa são a demonstração de resultados, o balanço patrimonial e a demonstração do fluxo de caixa.A demonstração de resultados mede a lucratividade do seu negócio durante um determinado período de tempo, mostrando os lucros e as perdas do seu negócio. O balanço patrimonial exibe a saúde financeira, informando quanto você deve e quanto possui. E o demonstrativo de fluxo de caixa informa como o caixa líquido está em seu negócio.Medir o desempenho dos negócios significa verificar o fluxo de dinheiro dele. Se você quiser ver quão lucrativo é o seu negócio, confira as demonstrações financeiras.

Dica 3: acompanhe a satisfação do cliente

Outro fator que sempre vai apontar se você está ou não cuidando de um bom negócio é a satisfação dos seus consumidores.Antes de mais nada, é importante verificar esse indicador, pois, caso seus clientes não estejam satisfeitos depois de comprar de sua empresa, provavelmente não farão isso novamente.Sabendo disso e da importância da satisfação a fim de garantir um bom negócio, como avaliar a satisfação do cliente? Existem algumas maneiras diferentes de aplicar uma Pesquisa de Satisfação do Cliente.O NPS é um dos indicadores de desempenho mais populares a fim de entender o relacionamento entre consumidor e empresa. Desenvolvido em 2003 pela Bain & Company, empresa americana de Consultoria Administrativa, o NPS (Net Promoter Score) é uma metodologia que busca entender de forma completa o nível de satisfação do consumidor durante os momentos de interação com a empresa.A ferramenta pode ser utilizada para mensurar uma ação, um público ou o setor específico. Pelo NPS, é possível medir o nível de satisfação dos funcionários da empresa, por exemplo, assim como a qualidade do atendimento do time de Vendas ou do SAC.Entenda o que é NPS e como calcularVocê pode criar questionário online, enviados por e-mail ou por WhatsApp, pode deixar um formulário impresso na sua loja ou espaço físico e tem a opção até de ligar para os clientes. O importante é registrar o quanto eles gostam ou não do que você tem oferecido.Registre a opinião do cliente e avalie se o atendimento está funcionando, se os meios de pagamento atendem às necessidades dele e, claro, se o produto ou serviço tem entregado a qualidade que ele espera.Valendo-se desses resultados, trace planos de ação para tornar seus clientes ainda mais satisfeitos e felizes com o seu negócio.Caso precise de ajuda para levantar a satisfação do cliente, confira 4 apps de Pesquisa de Satisfação e descubra o que funciona melhor para o seu negócio.

Dica 4: defina Indicadores-chave de desempenho (KPIs)

Os KPIs, do inglês key performance indicators, são os indicadores-chave de desempenho que você deve acompanhar para aferir seus resultados estratégicos de negócios.Os KPIs apoiam sua estratégia e ajudam suas equipes a se concentrarem no que é mais importante. Definir os KPIs que você vai acompanhar é um modo de organizar o trabalho de acompanhamento dos seus resultados.Escolha um resultado desejado que você possa medir de forma quantificável para criar um indicador-chave de desempenho.Veja alguns KPIs que você pode acompanhar:

  • Custo de aquisição de clientes
  • Taxa de rotatividade/cancelamento de clientes (Churn)
  • Quantidade de novos clientes em um mês
  • Receita mensal
  • Despesas mensais
  • Taxa de retenção de clientes
  • E muito mais!

O fundamental na hora de escolher os KPIs para acompanhar é ter em mente quais deles melhor representam o sucesso dos seus principais objetivos. Caso você queira verificar o sucesso das estratégias de marketing, por exemplo, fique de olho no custo de aquisição de clientes. Se as vendas estão preocupando você, atenção para o número de clientes que têm chegado todo mês. O importante é escolher os indicadores que você consegue seguir e dos quais você poderá tirar lições valiosas.

Dica 5: analise seus concorrentes

Outra dica especial para medir se seu negócio está indo na direção certa é compará-lo com o de seus principais concorrentes.Afinal, você pode até estar indo bem, mas quem sabe a concorrência não deixou você para trás e está obtendo resultados muito melhores?Existem várias maneiras de analisar sua concorrência.Você pode recorrer às redes sociais e ao Google para pesquisar o que está sendo falado sobre as marcas do seu segmento de atuação. Também é uma boa ideia usar informações públicas sobre o número de funcionários das empresas, sobre as novidades que elas divulgam publicamente e até pesquisar os preços, ofertas e descontos que elas estão oferecendo.Com essas informações, você pode começar a entender o que o seu concorrente está oferecendo de melhor, ou pior, em relação ao próprio negócio.Caso tenha a oportunidade, aproveite para realizar uma pesquisa de mercado com foco na análise dos seus concorrentes. Fale diretamente com seu público-alvo e veja como ele avalia as marcas do seu mercado. Pergunte qual empresa ele considera mais eficiente, o que ele espera de você e dos concorrentes e que tipo de diferencial é mais valorizado para conquistar o coração dos consumidores.Quer continuar aprendendo métricas de sucesso das empresas? Então, veja o nosso Glossário das principais métricas que você precisa acompanhar nos negócios!